Curso “Começar a escrever”

Biblioteca Municipal Almeida Garrett
Data: 
Sáb, 16/12/2017
Horario: 
das 10h às 19h
Estado: 
Inscrições em curso

Curso “Começar a escrever”
de Rita Ferro*

Utilizará um método original, visando o encorajamento dos aspirantes à produção de prosa literária, com ou sem fins editoriais, através de informações e conselhos que os ajudarão a desobstruir os censores da consciência e a desinibirem-se, incentivando a extroversão por via da palavra escrita e libertando a imaginação.
Falará sobre o mundo da escrita em Portugal, as dificuldades a ultrapassar, a saga das editoras e da colocação das obras nas livrarias, a alternativa da edição de autor (hoje mais económica do que nunca), o lançamento literário, a promoção do livro, as críticas e menções na imprensa, etc., o que se deve evitar para que os textos sejam bem acolhidos pelo público, pela crítica ou pelo próprio meio literário, em caso de publicação, poupando-lhes tempo e frustrações nas suas primeiras experiências literárias.

Noções:
Género . Forma . Estilo . Construção . Métodos . Divisão por capítulos . Técnicas . Truques . Disciplina . Invenção . Equipamento . Apoios . Léxico . Matéria-prima onírica, imagética, intelectual . Catarse . Vivência . Infância . Observação . Humor . Lugares-comuns . Plágio . Infantilóidismo . Sentimentalismo excessivo . Originalidade e seus excessos . Rigor . Pesquisa . Pontuação . Clareza . Contemporaneidade . Tipos e corpos de letra . Manchas . Capas . Contracapas . Perversões do Merchandising . Publicidade e Marketing . Musas e fontes de inspiração . Escrever um bilhete, uma carta, uma novela, um livro . Poder de síntese . A crítica literária como escola de gosto . O crítico . O criticado . O apoio crítico . Suscetibilidade e melindre. Iniciação à criação Literária.

*Rita Maria Roquette de Quadros Ferro nasceu em Lisboa em 1955. Estudou Design e Marketing, exercendo funções de direção e consultoria em diversas empresas, na área da Publicidade. Foi professora no IADE, na disciplina de Publicidade Redigida, e colabora regularmente na TV, na rádio e na imprensa. Foi jurada em diversos certames, incluindo o do ICAM para atribuição de subsídios de cinema, e o do Festival de Cinema de Tróia. Participa semanalmente no programa “A páginas tantas”, na Antena 1, ao lado de Inês Pedrosa e Patrícia Reis. Algumas das suas crónicas já foram adaptadas para teatro. Escreveu 30 livros. O seu mais recente livro chama-se “António Ferro, um homem por amar” e termina agora um novo romance.
(“A menina é filha de quem?” ganhou o Prémio Pen 2012 na categoria de Narrativa)

Inscrição limitadas à lotação da sala e diretamente com a Autora: workshopritaferro@gmail.com
Custo: 70,00€ por pessoa

publicoalvo: 
Público em geral